Páginas

Nossa Escola

Minha foto

EMEF "Ministro Pedro Aleixo"Escola Municipal de Ensino Fundamental Ministro Pedro Aleixo - Rua da Integração, Nº 364, Centro - Massaranduba-SC - CEP: 89.108-000 Fone/Fax: (47) 3379-1908 Email: escolapedroaleixo@hotmail.com

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

22 DE AGOSTO DIA DO FOLCLORE

A palavra Folclore vem do inglês folk=gente ou povo e lore=conhecimento, significando em nossa língua,"sabedoria popular".
 Nosso folclore se manifesta através dos usos e costumes populares e das tradições transmitidos de geração a geração.
 Todos os povos possuem suas tradições, crenças e superstições, que se transmitem através das lendas, contos, provérbios, canções, danças, artesanato, brincadeiras infantis, ou até mesmo do vocabulário e da medicina popular (remédios caseiros).
 O folclore brasileiro se formou com a contribuição de diversas culturas, principalmente dos povos indígenas, portugueses e africanos. Nossa cultura é bastante rica e diversificada por ter se formado da mistura de línguas, crenças, costumes e tradições desses povos.
 O Folclore brasileiro é representado através de:

Músicas: Cantigas de roda e Serenatas, etc...
Danças e Festas: Carnaval, Festas Juninas, Cavalhadas, Frevo e Maracatu, etc...
Linguagem: Provérbios ou ditados populares, parlendas ou trava-línguas, adivinhas e Literatura de Cordel, etc...
Usos e Costumes: Vestuário, pratos típicos, remédios caseiros, superstições, benzeduras, etc.
Brinquedos e Brincadeiras: Boneca de pano, arapuca, pipa (papagaio), pião, bolinha de gude, esconde-esconde, etc.
Lendas e Mitos: Boitatá, Boto, Caipora, Cuca, Curupira, Lobisomem, Iara, Mula sem cabeça, Negrinho do Pastoreio e Saci Pererê, etc...

Arte Popular: Artesanatos, rendas, chochê, bordados, etc...



Para relembrar essa importante data, os alunos dos 7º Anos A, B e C, sob a orientação da Professora Dayane, da disciplina de Língua Portuguesa, pesquisaram, confeccionaram cartazes e explicaram a origem desses mitos e lendas.
Segue abaixo uma pequena mostra dos trabalhos realizados:









SEMANA NACIONAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL E MÚLTIPLA


FESTIVAL DE HANDEBOL

Aconteceu sábado dia 13/08/2016 o "II Festival de Mini-Handebol (sub-12)" e o "Torneio Sub-13 de Handebol", na cidade de Jaraguá do Sul.
O evento contou com a participação de mais de 12 equipes  das cidades de Jaraguá do Sul e 2 equipe de Massaranduba (Pedro Aleixo e Bruno Linden), nos naipes masculino e feminino.

A EMEF Ministro Pedro Aleixo obteve os seguintes resultados:

1° Lugar Sub-12 Masculino
1° Lugar Sub-13 Masculino
2° Lugar Sub-12 Feminino

2° Lugar Sub-13 Feminino








segunda-feira, 15 de agosto de 2016

SOLENIDADE DE ABERTURA JOGOS COOLÍMPICOS

O Programa Cooperjovem é uma ação baseada na educação cooperativa, que por sua vez, tem a intenção de educar para o trabalho conjunto, a autonomia e a cooperação, com vistas ao bem estar da coletividade.
Foram os gregos que criaram os Jogos Olímpicos. Por volta de 2500 a.C., os gregos já faziam homenagens aos deuses, principalmente Zeus, com realização de competições. Porém, foi somente em 776 a.C. que ocorreram pela primeira vez os Jogos Olímpicos, de forma organizada e com participação de atletas de várias cidades-estado.

Os alunos do 7º ano B realizaram a encenação do Mito dos Jogos Coolímpicos (A caixa de Pandora).




No dia 05 de agosto aconteceu a cerimônia de abertura dos XXXI Jogos Olímpicos na cidade do Rio de Janeiro o evento vai até o dia 21 de agosto e as Paraolimpiadas serão entre 7 e 18 de setembro.
Serão disputadas 28 modalidades ao longo da competição, duas a mais em relação aos Jogos Olímpicos de 2012. O Comitê Executivo do COI sugeriu as inclusões do rugby sevens e do golfe e foram aprovados pelo comitê Olímpico.
Ao todo serão mais de 11000 mil atletas competindo na primeira edição dos Jogos Olímpicos da América do sul. Pensando neste grandioso evento o Programa Cooperjovem da EMEF Ministro Pedro Aleixo e a Cooperativa Juriti realizam hoje a abertura dos Jogos Coolímpicos onde tudo é possível se for possível para todo mundo!
Vídeo Animais. Nos Jogos Coolípicos da Escola Pedro Aleixo serão 25 equipes que irão resgatar o “espirito cooperativo” e o prazer de jogar e viver uns com os outros.
Todos os alunos receberam de pé a entrada dos representantes das delegações das equipes.

1A Espanha
2A Trinidad e Tobago
3A Finlândia 
4A Montenegro
4B Bélgica
5A Indonésia
6A Gabão
7A Eslováquia
7B Tailândia
8A Portugal
8B Grécia
9ª Bulgária
9B Botsuana



1B Taipei 
2B Malásia
3B Moldávia  
4C Mongólia 
5B Uganda
5C Egito
6B Venezuela
6C Qatar
7C Índia
8C Afeganistão
8D Armênia 
9C Porto Rico


























As Bandeiras das delegações serão costuradas umas nas outras e formarão um painel gigante. Que irá simbolizar a união das nações.
Em seguida cantamos o hino nacional Brasileiro.
Os jogos cooperativos ocupam um lugar relevante na construção de um conviver saudável e desejável ao propiciarem mudanças nas relações e nas estruturas sociais quebradas pela desconfiança que reina onde todos se sentem competidores. Nos próximos dias estaremos convivendo com momentos de compartilhar, unir pessoas, despertar coragem, tendo pouca preocupação com o fracasso e o sucesso em si mesmos, uma vez que ganhar ou perder são apenas referências para o contínuo aperfeiçoamento de todos.
Os alunos também realizaram o juramento.
Por favor levantem a mão direita e após o Juramento digam: nós prometemos!

Em nome de todos os jogadores, prometo que participaremos nestes Jogos Coolímpicos, respeitando e seguindo as regras que os regem, comprometendo-nos a uma escola sem desunião e falta de cooperação, com o espírito verdadeiro, para glória da educação e honra das nossas equipes.
Assim eu prometo: assim nós prometemos!




Todos os 206 Comitês Olímpicos Nacionais garantiram a classificação de pelo menos um atleta aos Jogos. As primeiras nações a qualificar atletas para os Jogos foram AlemanhaReino Unido, Países Baixos e Nova Zelândia.
Nova Zelândia por sua vez roubou a cena e surpreendeu a todos que assistiam a cerimonia de boas vindas para a delegação realizada na tarde de sexta feira da semana passada. Antes mesmo do fim da apresentação dos bailarinos brasileiros, os atletas começaram a fazer o famoso haka, tradicional dança maori e um dos principais símbolos do rugby no mundo.






































A Chama Olímpica é um dos símbolos dos Jogos Olímpicos, e evoca a lenda de Prometeu que teria roubado o fogo de Zeus para o entregar aos mortais. Durante a celebração dos Jogos Olímpicos antigos, em Olímpia, mantinha-se aceso um fogo que ardia enquanto durassem as competições. Esta tradição foi reintroduzida nos Jogos Olímpicos de Verão de 1928.
Nos Jogos Olímpicos de Verão de 1936, pela primeira vez ocorreu o revezamento de atletas para transportar uma tocha com a chama, desde as ruínas do templo de Hera em Olímpia até ao Estádio Olímpico de Berlim. 
Nesta edição dos jogos Olímpicos 1200 condutores conduziram a chama Olímpica, dentre eles dois colaboradores de nossa escola (Maria e Gustavo). O revezamento percorreu 329 cidades e foi conduzido por 3 referências do esporte em sua conclusão (Gustavo Kuerten, Hortência e Vanderlei Cordeiro de Lima).



Após a entrada da tocha os Jogos coolímpicos foram oficialmente abertos, e todos os alunos cantaram a música Alma e coração.